Fundo de investimento é para quem não sabe investir?

blog6-grande

Esperamos que ao final dessa leitura, você possa entender que fundo de investimento não é um bicho de sete cabeças e que, conhecendo que tipo de investidor você é, é possível fazer escolhas certas.

Primeiramente: O que é um fundo de investimento?

Um fundo é como se fosse um condomínio. Cada condômino, ou cotista no caso do fundo, aporta seus recursos e eles são geridos conjuntamente por um gestor, e os rendimentos obtidos pelo fundo são proporcionais à quantidade de cotas de cada investidor, ou seja, todos os cotistas têm o mesmo rendimento.

Como é investir em um fundo?

Ao investir em um fundo, o investidor adquire cotas transferindo os recursos de sua conta para a conta do fundo. Isso pode ser feito pela conta corrente de um banco para um fundo do próprio banco ou para um fundo de uma gestora independente. Ao adquirir as cotas, o investidor aceita o regulamento do fundo, que estipula quais as condições de investimento, como regras e custos.

Fundos de bancos ou fundos de gestores independentes?

Os fundos são regulados pela CVM (Comissão de Valores Imobiliários) e precisam ter um administrador, que é como se fosse a administradora do condomínio que faz os pagamentos e a contabilidade, um custodiante, onde os recursos do fundo ficam “guardados” e é um gestor quem toma as decisões de investimento. Mas, vale a pena lembrar que os recursos do fundo pertencem aos seus cotistas. O administrador e o gestor são apenas prestadores de serviço, que podem ser inclusive trocados, se necessário.

Normalmente, alterações no regulamento do fundo são votadas em assembleias. Os fundos oferecidos pelos bancos, em geral são administrados pelo próprio banco. Através de uma conta em uma corretora, você pode ter acesso a fundo de outros gestores, que não são ligados a bancos. São os chamados gestores independentes.

O que faz o gestor de um fundo para obter o retorno para seus investidores?

O gestor de um fundo decide quais títulos comprar, e assim será determinado o retorno do fundo. Por exemplo, para um fundo de renda fixa, o gestor pode decidir que o fundo deve comprar letras do tesouro, que pagam juros, o que então será o principal determinante do rendimento do fundo. Para um fundo de renda variável, o gestor escolhe as ações que o fundo deve comprar. A valorização dessas ações e os dividendos recebidos nesse caso irão compor o rendimento do fundo.

Então, o que é melhor: comprar os ativos diretamente ou investir em um fundo?

Uma adequada gestão de investimentos é capaz de trazer bons retornos ao investidor. Escolher e comprar diretamente os ativos, ou seja, fazer a gestão própria, tem algumas vantagens. Uma delas seria os menores custos, como a economia das taxas de administração dos fundos. Outra vantagem é ter maior flexibilidade para adaptar o portfólio de investimentos à sua tolerância de risco.

Mas cuidado!

A gestão própria de investimentos pode dar muito trabalho, principalmente para quem está começando a investir. Para investir diretamente em ações, é preciso analisar cada empresa antes e entender as perspectivas para determinar se aquela ação irá se valorizar ou até desvalorizar. Além disso, é necessário um acompanhamento. Quando a ação se valoriza, por exemplo, é preciso estar atento para o momento de vendê-la e nada melhor do que um profissional para te aconselhar nesses momentos!

Fundos de investimentos contam com profissionais especializados e dedicados em cada tipo de ativo e em muitos casos contribuem para um melhor retorno para o investidor.

Fique atento!

AMesmo antes de investir em fundos, é preciso entender o próprio perfil, a sua tolerância a risco, e escolher fundos apropriados. Se você é jovem, seu horizonte de investimento é longo e você pode investir uma parte dos seus recursos em ações, por exemplo, cerca de 30%. Em seguida, você escolhe um ou dois fundos de ações, com base na política de investimento do gestor, seu bom histórico de retorno e uma cobrança de taxa de administração compatível com o mercado.

E você, já conhece o Patrimoney?

Cadastre-se aqui no site e receba conteúdos esclarecedores sobre nosso aplicativo.

Deixe um comentário